Guayi promove diálogo sobre economia solidária



edit01Seguindo seu compromisso de propor debates qualificados em sintonia com a agenda de desenvolvimento nacional, a Guayí promoveu nesta sexta-feira (4), no auditório do Sindicato dos Petroleiros de Porto Alegre/RS, a segunda atividade dos ‘Diálogos Guayi’ de 2018. Na discussão desta semana, a Atualidade e Sentido da Economia Solidária, a atividade contou com a participação do professor titular no Departamento de Política Científica e Tecnológica da UNICAMP, Renato Dagnino.

Durante sua fala na abertura do evento, o professor Dagnino, destacou a importância da adoção e aprimoramento das tecnologias sociais para o trabalho autogestionário. “A economia solidária precisa de tecnologias sociais distintas daquelas implementadas pelas iniciativas capitalistas, para inclusive reforçar os valores centrais da economia solidária, como a posse coletiva dos meios de produção e a autogestão. Temos consciência que pensar estas tecnologias é um desafio permanente para a construção de uma agenda de desenvolvimento inclusivo”, pontuou o professor ao destacar também a importância das políticas de financiamento para os empreendimentos da economia solidária.

Já Helena Bonuma, coordenadora da Guayí, lembrou as experiências que existem nos complexos econômicos fomentados pela entidade. “Acreditamos que a Economia Solidária é estratégica para o enfrentamento da crise, este evento tem o caráter de fomentar a retomada de um processo de articulação em rede, um processo que nunca parou, mas que agora tem a condição de se reorganizar em uma nova agenda, fomentando um desenvolvimento inclusivo, que pense nas pessoas e não no lucro”, destacou.

 

Homenagem ao Professos Singer

Durante a agenda, Helena Bonuma fez um resgate da relação da Guayí, seus complexos econômicos e experiências no desenvolvimento de um modelo econômico mais inclusivo, e a contribuição do Professor Paul Singer com a Guayí e com toda a consolidação histórica da agenda da economia solidária.

“Em nossa experiência na construção da Rede de Economia Solidária e Feminista, nossa querida Resf, muitas vezes contamos com a contribuição d do Professor Singer, ele foi a luz fundamental para construirmos uma visão de mundo mais inclusiva, mais democrática e mais solidária. Sua dedicação e sua luta seguem vivos em cada um de nós, e em todas as vezes que estivermos pensando, propondo e fazendo a economia solidária”, afirmou de forma emocionada Bonuma.

Comentar

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>